1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...

Inscrições para Casas Populares 2016 em SP

programa Minha Casa Minha Vida  (PMCMV) tem como objetivo facilitar a aquisição da casa própria, sendo uma iniciativa do Governo Federal e do Ministério das Cidades. Operacionalizado pela Caixa Econômica Federal desde 2009, o programa torna o financiamento habitacional mais acessível para as famílias de baixa-renda.

PMCMV  iniciou seu trabalho no Brasil com a meta de produzir e facilitar o acesso a 1 milhão de novas unidades habitacionais. Hoje, o programa se empenha com a finalidade de incentivar a construção de 2 milhões de novas moradias, que vão beneficiar as familiar com renda bruta mensal até 5 mil reais.

Ao passo em que a proposta se fortalece e obtêm novos investimentos, o programa Minha Casa Minha Vida espera produzir 860.000 imóveis até 2014.

Mais 704 unidades habitacionais serão construídas a partir deste ano na capital paulista, viabilizadas pela parceria entre a Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), a Companhia Metropolitana de Habitação de São Paulo (Cohab-SP) e a Caixa Econômica Federal (CEF). Os contratos para os sete novos empreendimentos do Programa Minha Casa Minha Vida, que é voltado para famílias com renda entre 1 e 3 salários mínimos. Na cidade, o total de unidades em construção por essa parceria passará para 3.304, divididas em 21 áreas.

Inscrições para Casas Populares 2016 em SP

Inscrições para Casas Populares 2016 em SP. Imagem:divulgação

CDHU responsável por moradias populares em São Paulo

O CDHU responsável por moradias populares no estado de São Paulo é específico para atender famílias de renda baixa a conquistarem a casa própria. Já foram comercializadas milhares de habitações pelo CDHU e cada vez mais casas e apartamentos são construídos para atender a essa faixa etária da população paulista.

O CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo) foi criado no ano de 1949 e desde então vem oferecendo moradia a preços populares às famílias carentes. Atualmente um dos grandes empreendimentos do CDHU é no Jardim Novo Horizonte com mil unidades habitacionais.

Quem Pode Fazer o Cadastro no CDHU

Para fazer o cadastro no CDHU é preciso que os interessados tenham renda entre 1 e 3 salários mínimos deve morar a pelo menos três anos no município onde quer adquirir o imóvel.

Os interessados poderão fazer sua inscrição nas unidades do CDHU espalhadas no estado de São Paulo. Para maiores informações é só acessar o site http://www.cdhu.sp.gov.br/orientacoes/inscricoes-abertas.asp. Os valores que as famílias deverão pagar mensalmente pelos imóveis populares é a partir de R$ 50,00, sendo que o valor não pode passar de 10% da renda mensal.

Confira as datas para inscrição no minha casa minha vida  e as oportunidades abertas pelo programa em parceria com prefeituras e também com o CDHU.

Recomendados para você:

8 Comentários

  1. quero participar do cadastro minha casa minha vida

  2. Tamires Ferreiousara De S disse:

    quero participar do cadastro minha casa minha vida.

  3. elcio fernando da silva disse:

    ola tenho visto que esse programa da minha casa minha vida é muito valoroso em termo de moradia e habitação

  4. suelen disse:

    eu nao tenho condicoes de comprar casa porisso estou fazendo comentario.

  5. Bianca disse:

    Quero participar do cadastro minha casa minha vida.

  6. Alexandre disse:

    Quero participa do programa popular da minha casa

  7. Quero participar da minha casa minha vida

  8. Maria Luana Cândido de Araújo disse:

    O custo de vida está muito alto e o salário muito pequeno portanto não consigo comprar uma casa.

Comente (será moderado)