1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...

Minha Casa Minha Vida Belém 2018

O programa Minha Casa Minha Vida está presente em todos os estados brasileiros levando à população mais esperança de uma vida melhor. Sorteando casas populares para famílias de baixa renda, o Minha Casa Minha Vida atua juntamente com iniciativas do governo estadual para promover mais benefícios a todas as famílias que vivem em situações precárias.

Minha Casa Minha Vida Belém 2018. (Imagem: Divulgação)

Minha Casa Minha Vida Belém 2018. (Imagem: Divulgação)

Em Belém o Minha Casa Minha Vida atua juntamente com o programa Viver Bem, que tem como objetivo promover a moradia própria a todas as famílias mais necessitadas da região. Veja a seguir como você pode participar e garantir uma moradia para sua família em 2018.

Como Funciona o Minha Casa Minha Vida

O Minha Casa Minha Vida atua em parceria com os governos estaduais e municipais, atuando por meio das prefeituras municipais e secretarias de habitação para promover os sorteios e inscrições das famílias mais necessitadas de cada região. O programa possui várias faixas de renda para permitir que todos os cidadãos possam obter a casa própria.

Aqueles que se encaixam na faixa 1 de renda são os únicos que participam dos sorteios habitacionais e concorrem às casas populares. Todas as famílias que se encaixam em uma das faixas de renda a partir da 1,5 podem contratar um financiamento para o imóvel que desejarem diretamente na Caixa Econômica Federal e ainda usufruem de todos os benefícios do programa.

Requisitos Minha Casa Minha Vida 2018

Para participar do Minha Casa Minha Vida é preciso atender a algumas exigências do governo federal. O primeiro requisito é o da renda, que dependerá de cada situação. Se você deseja concorrer a uma casa popular, sua renda familiar mensal não deve ser maior do que R$1.800,00. Já se você deseja financiar um imóvel pela CAIXA, sua renda deve ser maior do que esse valor, mas nunca maior que R$9.000,00.

Minha Casa Minha Vida Belém 2018. (Imagem: Divulgação)

Minha Casa Minha Vida Belém 2018. (Imagem: Divulgação)

Além disso, é preciso que a família não possua nenhum imóvel em seu nome e nunca tenha sido beneficiado por outro programa habitacional do governo antes. Os sorteios também dão preferência às famílias cujos responsáveis são mulheres, que possuem crianças, idosos ou pessoas enfermas. Famílias que vivem em situações de risco também ganham preferência no sorteio.

Inscrições Minha Casa Minha Vida 2018

As inscrições para o programa são de responsabilidade da prefeitura, secretaria de habitação ou outro órgão de cada cidade. Cada região disponibiliza as vagas de acordo com os recursos que são repassados pelo governo federal. Geralmente as inscrições são feitas presencialmente, diretamente na unidade do órgão responsável, por meio do preenchimento das informações familiares. Em alguns casos também é possível fazer o cadastro online e depois levar os documentos na unidade para confirmar as informações.

Minha Casa Minha Vida Belém 2018. (Imagem: Divulgação)

Minha Casa Minha Vida Belém 2018. (Imagem: Divulgação)

Depois disso, basta aguardar a realização do sorteio. Todas as famílias contempladas recebem uma carta informando o ocorrido e solicitando que compareçam à uma unidade da CAIXA para assinar o contrato.

Documentos Minha Casa Minha Vida 2018

Para efetuar a inscrição da família é preciso ter em mãos os seguintes documentos: RG, CPF, Certidão de Nascimento ou Casamento, Comprovante de Renda, entre outros.

Recomendados para você: