1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (183.479 votos, média: 1,00 de 5)
Loading...

Minha Casa Minha Vida Pará 2018

O Programa Minha Casa, Minha Vida é simplesmente um dos maiores e melhores do País. Graças a ele é que milhares de brasileiros conseguem realizar o sonho da tão sonhada casa própria. Esse programa consegue dar as pessoas a chance de ter uma moradia, mesmo que simples, mas longe de uma situação em que fica em áreas de risco.

Programa Minha Casa Minha Vida no Estado do Pará

O estado do Pará é somente mais um dos muitos estados brasileiros aonde o programa é um diferencial que auxilia milhares de pessoas. Para saber se na sua cidade do Pará ainda tem casas com inscrições abertas por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida o jeito é simplesmente pegar o telefone da secretaria de desenvolvimento social ou habitação e entrar em contato.

Construtoras no Pará que Podem te Ajudar a ter a Casa Própria

As construtoras no Pará podem também firmar por conta uma parceria com o programa Minha Casa, Minha Vida e falar junto com o Governo Federal e com as prefeituras municipais para fazer empreendimentos que estejam dentro da faixa de subsídio do Governo para o financiamento do Minha Casa, Minha Vida.

Cidades do estado do Pará que faziam parte do programa:

Abaetetuba

Ananindeua

Belém

Benevides

Bragança

Cametá

Minha Casa Minha Vida Pará 2017

Minha Casa Minha Vida Pará 2017

Castanhal

Itaituba

Marabá

Marituba

Parauapebas

Santa Bárbara do Pará

Santarém

Minha Casa, Minha Vida na era Temer

O presidente em exercício Michel Temer também mexeu em algumas diretrizes do programa Minha Casa, Minha Vida. Essa terceira fase do programa Minha Casa, Minha Vida em 2016 já muitas alterações depois que o presidente interino, Michel Temer, assumir o governo.

O presidente atual alega que tem problemas orçamentários para dar andamento no programa como Dilma Roussef e seus secretários e homens de confiança haviam prometido.

– Sem benefícios para baixa renda

As pessoas de baixa renda que estavam enquadradas antes na chamada faixa 1 do programa (renda até R$1.800) terão o benefício interrompido de certa forma. Outra faixa que deixará de receber benefícios é a 2 (até 3.600).

Sendo assim, a terceira etapa do Minha Casa, Minha Vida vai ser totalmente diferente do que eles estão acostumados a fazer e a meta antes prometida por Dilma de 3 milhões de residências em 2014, antes de sua reeleição, não poderá ser atingida com essa diminuição drástica do benefício do programa. Com o governo Temer essa meta cai para 1,5 milhão de unidades nos próximos três anos.

Extinção da Faixa Nova do Minha Casa, Minha Vida

Outra mudança significativa do programa Minha Casa, Minha Vida vai ser  a extinção da nova faixa de renda, que era a novidade na terceira fase do programa Minha Casa, minha Vida vai ser a tal nova categoria que Dilma criou salarial de 1,5 que provavelmente não sairá do papel.

O governo Dilma criou em 2009 o Programa Minha Casa, Minha Vida que estava terceira fase com regrinhas bem novas. As mudanças no PMCMV tinha adotado uma nova faixa de renda e ampliado os juros cobrados no financiamento.

Como era o Minha Casa Minha Vida do Temer

Uma das principais alterações dessa última etapa, nasceu a criação de uma faixa intermediária de renda, entre R$ 1.800 e R$ 2.350, que se chama faixa 1,5.

Também amplia os juros que juros cobrados para a família que recebe acima de R$ 2.350. A faixa 1 do programa antes ia continuar sem cobrança de juros.

Minha Casa Minha Vida

Minha Casa Minha Vida

O programa Minha Casa, Minha Vida era válido somente para novos contratos. Válidas somente para novos contratos, as novas regras prometiam financiar o imóvel com taxas mais baixas que as oferecidas no mercado.

Pré-Requisito para Fazer Parte do Minha Casa Minha Vida

Para poder se inscrever no programa é necessário seguir os pré-requisitos:

  • Não ser proprietário, cessionário, promitente comprador, usufrutuário de imóvel residencial;
  • ser ou ter sido arrendatário do PAR ou detentor de financiamento de imóvel residencial em qualquer local do país;
  • Não ter recebido benefícios de natureza habitacional oriundos de recursos orçamentários da União;
  • Não estar cadastrado no SIACI e/ou CADMUT, exceção para as operações de Aquisição de Material de Construção (neste caso, o candidato a beneficiário apresentar;
  • Não estar inscrito no CADIN – Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal.

Documentação Necessária para o Minha Casa Minha Vida

A documentação necessária para os interessados em fazer um financiamento por meio do programa Minha Casa, Minha Vida (apenas do responsável familiar e cônjuge) são as seguintes, sendo necessário apresentar os originais e as cópias:

  • Carteira de identidade ou outro documento oficial de identificação que conste foto e filiação;
  • Identidade de estrangeiro, quando for o caso;
  • CPF – Cadastro de Pessoa Física ou documento oficial que contenha referido cadastro;
  • Prova de estado civil: certidão de nascimento se solteiro, certidão de casamento ou certidão de casamento com averbação da separação/divórcio ou certidão de óbito do cônjuge;
  •  Declaração de União Estável (modelo CAIXA), quando for o caso;
  • Declaração de Beneficiário no PMCMV, Renda Familiar até R$ 1.600,00 – Recursos do

FAR (Modelo CAIXA);

Para mais informações acesse: http://www.caixa.gov.br.

Recomendados para você: